Dermopigmentadora oferece micropigmentação gratúita às pacientes com câncer

1 de novembro de 2016
Autoestima devolvida


Câncer. Pronunciar essa palavra já causa arrepios, imagine enfrentar a doença. O diagnóstico positivo desencadeia uma série de pensamentos negativos nos pacientes. 

E quando o tratamento chega à fase de quimioterapia, muitas vezes causando a queda de cabelos, acaba levando consigo a autoestima, principalmente das mulheres.

- “A maioria das mulheres ao passar pela fase do tratamento onde ocorre a queda dos fios, fica com a autoestima abalada, e esse sentimento pode tornar o tratamento mais difícil e doloroso”, afirma a dermopigmentadora Talita Coutinho (foto).

Para melhorar esse quadro, a profissional desenvolve um belo trabalho para ajudar mulheres que perderam os pelos das sobrancelhas em consequência do tratamento de câncer. Talita oferece gratuitamente a reconstrução das sobrancelhas a pacientes que se trataram de câncer com quimioterapia ou radioterapia e perderam suas sobrancelhas ou parte delas.


Silvia Amoy, cliente, que recebeu assistência de Talita.

-  “Fiquei sensibilizada com o problema, e quis ajudá-las a passar por essa fase sem tantos traumas”, explica.

Talita Coutinho, que é especialista em micropigmentação certificada internacionalmente, conhece bem o resultado que uma sobrancelha promove na autoestima das mulheres.

- “Rosto e cabelo são nossos cartões de visita, e seja qual for o motivo da queda dos pelos, isso mexe muito com a autoestima. Em se tratando de consequência de câncer, é ainda pior”, afirma.

Procedimento seguro


Todo o trabalho é feito dentro das mais modernas técnicas e do mais rigoroso cuidado. Mesmo sendo um serviço gratuito, o procedimento e o material são os mesmos oferecidos às demais clientes.

- “Priorizamos a alta qualidade em nossos serviços, mesmo sendo de graça”, acrescenta.

Para ter acesso ao trabalho, é necessária autorização médica, que permita a realização do procedimento. A partir daí, elas têm prioridade na agenda, e os atendimentos podem ser marcados durante todo o ano, sem período específico.

O que ela ganha com isso? 

- “A minha maior satisfação é ver a alegria de volta no rosto das pessoas”, declara.

Com Lorena Vago

COMENTAR

COPYRIGHT© 2007-2014 Don Oleari Ponto Com - Todos os direitos reservados - aldeia verbal produções e jornalismo - CNPJ: 15.265.070/0001-49