Bento Peixoto: a volta do Cuba Libre e a história de sua criação

19 de dezembro de 2014
CUBA LIBRE

Publicado em dezembro 19, 2014 por Bento Peixoto.

http://hotmart.net.br/show.html?a=G1836422B

Segundo um blog dedicado ao Rum Bacardi, a origem do drink Cuba Libre remonta à Guerra de Cuba para se tornar independente da Espanha, em 1898. Naquela época o Coronel Theodore Roosevelt chegou em Cuba com o seu regimento e grandes levas de americanos. A Coca-Cola™ havia sido lançada em 1896 e logo se tornou a bebida mais consumida pelos americanos e cubanos.

Enquanto comemorava a vitória no American Bar, em Havana, Cuba, o capitão Russell pediu um Rum BACARDI cubano e coca-cola. Misturou em um copo com fatias de limão e gelo. Essa nova combinação despertou o interesse dos soldados à sua volta, e logo o bar inteiro estava bebendo o mesmo drink.

http://hotmart.net.br/show.html?a=A1836431B

O NOME CUBA LIBRE

Naquele momento de comemoração o capitão propôs um brinde “Por Cuba libre!” para celebrar a independência de Cuba. As palavras Cuba Libre – Cuba livre (independente) – tiveram um significado político especial e foram frequentemente usadas por cubanos e americanos. Pareceu natural que os soldados americanos escolhessem e aplicassem esse slogan popular à bebida que eles consideraram natural de Cuba, composto de Rum BACARDI e Coca-Cola. O nome ficou logo conhecido, e assim permanece até hoje.


Cuba Libre por R$ 4,99 no Azteca Bistro Jardim Camburi

Cai o embargo americano a Cuba

No final do ano de 2014 o Governo americano decidiu eliminar o o embargo político e comercial americano a Cuba.

Para comemorar Azteca restaurante, de Jardim Camburi, Vitória, criou uma promoção. Todos os clientes poderão consumir Cuba Libre por apenas R$ 4,99 a dose.

O Azteca Bistrô fica na Av Ranulpho Barbosa dos Santos, 740, Jardim Camburi, Vitória, ES. Consulte horários de funcionamento: (27) 3022 0219.

Bento Peixoto -
http://divirta-seaqui.com/cuba-libre/

Pitaco do Oleari

Esse texto do Bento Peixoto surgiu de um papo nosso programando pra degustar um vinho. Somos contemporâneos de trabalho na publicidade, tendo ele chegado um tiquim depois de mim. E do papo surgiu a ideia de introduzir o drinque Cuba Libre. Disse ao Bento que sempre fui meio avesso a certas drogas, mas consumi Coca Cola num outro velho drinque que se chamava "Samba em Berlim".

Ele era feito com uma dose de cachaça, Coca Cola, e gelo.

Bento, como é dedicado ao Marketing, sugeriu: porque Azteca não faz o Cuba Libre como promoção? Não deu outra. Ficamos de degustar semana que vem (Oswaldo Oleari).

COMENTAR

COPYRIGHT© 2007-2014 Don Oleari Ponto Com - Todos os direitos reservados - aldeia verbal produções e jornalismo - CNPJ: 15.265.070/0001-49